Home / Uncategorized / Autárquicas: PAICV dá 4-1 ao MpD em mulheres candidatas

Autárquicas: PAICV dá 4-1 ao MpD em mulheres candidatas

Não é um jogo de futebol nem de outra modalidade qualquer. Mas o PAICV leva clara vantagem sobre o MpD no que diz respeito às mulheres candidatas nas eleições municipais deste ano. Os tambarinas entram na corrida às 22 câmaras do país com quatro candidatas (18 por cento), contra apenas uma do MpD (4,5 por cento).

Autárquicas: PAICV dá 4-1 ao MpD em mulheres candidatas

O PAICV consegue esta vantagem no Norte do país, com três candidatas em outros tantos concelhos de Santo Antão: Vera Almeida (Paul), Leonesa Fortes (Ribeira Grande) e Rosa Rocha (Porto Novo). E na ilha vizinha de São Vicente, aposta em Filomena Martins para ganhar a segunda maior Câmara Municipal de Cabo Verde.

Já o MpD, nos seus 21 candidatos tem apenas uma mulher – Glória Silva na Ribeira Brava de São Nicolau. José Luís Livramento, coordenador nacional autárquico do MpD, justifica esta fraca presença de mulheres como cabeças de listas do seu partido com o argumento de que se trabalhou apenas com as pessoas ou grupos que se disponibilizaram como candidatos. Mas vai deixando uma brecha, diz que o processo ainda não está fechado e que pode haver mais mulheres nas listas ventoinhas.

Mas esta análise não deixa de ser curiosa numa altura em que a igualdade do género é um dos pontos mais importantes da agenda política cabo-verdiana – e, nestas infelizes coincidências da vida, o MpD foi escolher exactamente o 8 de Março (Dia Internacional da Mulher) para anunciar os últimos três cabeças de listas para a eleições deste ano. Um acto que também acontece poucos dias após um estudo da União Inter-Parlamentar (UIP) – que analisa a igualdade de género nos parlamentos de 150 países – situar o nosso país em 61º lugar, com 20 por cento de mulheres deputadas.

Recorde-se que a Rede de Mulheres Parlamentares e o ICIEG têm na estrada uma campanha no sentido de fazer com que nestas próximas eleições autárquicas haja 40 por cento de mulheres nas listas de todos os partidos políticos cabo-verdianos, e em lugares elegíveis. As autárquicas de 2008 elevaram para 22,2 por cento a participação feminina nos órgãos locais.

 

via Autárquicas: PAICV dá 4-1 ao MpD em mulheres candidatas

Facebook Comments
Print Friendly, PDF & Email
Download PDF
Google+
%d bloggers like this: